Friday 26 April 2019
Home      All news      Contact us      English
netvasco - 1 month ago

Confira outros tópicos da entrevista coletiva de Alberto Valentim após Resende 0 x 2 Vasco

A noite foi de Tiago Reis, mas outra novidade no time titular do Vasco também se destacou, de maneira mais discreta, na vitória por 2 a 0 sobre o Resende. O volante Bruno Silva iniciou sua primeira partida em 2019 e ganhou elogios do técnico Alberto Valentim. Com contrato até abril com o clube, o jogador é um nome que conta para o treinador.

- A diretoria do Vasco vai fazer o melhor para que o Vasco fique forte. Tenho certeza que vamos conversar sobre isso aí. O Alexandre (Faria, diretor de futebol) está à frente, atento a todos os jogadores do elenco para continuarmos fortalecendo o Vasco na temporada toda - disse Valentim.

Ao elogiar Bruno, Valentim lembrou que o jogador já era importante para o elenco em 2018, antes de sofrer uma fratura no pé direito que o tirou da reta final do Campeonato Brasileiro.

- O Bruno era assim no ano passado também. Nós o perdemos num momento importantíssimo na classificação. Ele era esse jogador aí. Teve uma fratura. O que vocês viram no jogo é o que ele treina. O jogador precisa de ritmo de jogo, estar bem treinado. Ele vinha ganhando minutos nos treinos. Queria que ele alternasse com o Lucas Mineiro essa saída de bola para que déssemos qualidade.

Confira outros tópicos da coletiva de Alberto Valentim:

Tiago Reis e Bruno César

- O Bruno César vem jogando, procuro dar jogo para todos. Tiago aproveitou bem a oportunidade que teve. Procurou fazer tudo aquilo que nós pedíamos no treino. Ele vinha treinando bem, esperando a oportunidade dele. Hoje foi feliz, fez o gol no começo, deu tranquilidade para o time também.

Características de Tiago Reis

- Essa mobilidade, ele tem métodos de fazer diagonais curtas, vir buscar bolas mais perto do camisa 10. Não é muito de cair de beirada como centroavante, mas essa vinda central ele faz. Jogador que finaliza bem e aproveitou hoje bem a oportunidade.

Eficiência na finalização

- O que não aconteceu contra a Cabofriense aconteceu hoje. Hoje finalizamos 16 vezes, contra a Cabofriense foram 28. O importante é que hoje demos uma resposta à altura daquilo que queremos no campeonato.

Análise do jogo

- Começamos um primeiro tempo muito forte, procurando jogar no campo do Resende. Muita pressão, procurando jogar rápido, muita dinâmica na posse, um número expressivo de jogadores no último terço deles. Manter esse ritmo os 90 minutos é impossível. A minha cobrança era que nós continuássemos fazendo a bola rodar rápido para achar os espaços. Assim, não chegaríamos com a velocidade do primeiro tempo, mas abrindo espaço conseguiríamos também chegar para finalizar.

Fellipe Bastos

- Fellipe está com a gente, está treinando. Ficou um pouco atrás fisicamente por causa de um incômodo muscular, mas está aí. O bom da posiçao dele é que, da forma que temos jogado mais vezes, são dois. Divide um pouco a concorrência. Em todas as posições temos disputa muito sadia, e isso é importante, porque o que a gente quer é que o Vasco seja isso. Grupo forte, não só 11.

Contribuição defensiva de Marrony

- A ideia é que nós roubemos a bola mais no campo, para que façam menos estrada na fase defensiva. Quando a gente não consegue, ele vem ajudar o Danilo, mas sempre pronto para contra-atacar também.

Fonte: GloboEsporte.com

Related news

Latest News
Hashtags:   

Confira

 | 

outros

 | 

tópicos

 | 

entrevista

 | 

coletiva

 | 

Alberto

 | 

Valentim

 | 

Resende

 | 

Vasco

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources